terça-feira, 26 de março de 2013

Miminhos

Ligaram-me dum número que não conhecia.
- Estou?
- Olá. (...) Queremos oferecer-lhe uma limpeza de pele e uma maquilhagem.
Fui bem educada pelos meus pais e aprendi que os presentes se aceitam e agradecem. Como a cultura popular nos ensina ainda que "a cavalo dado não se olha o dente", sorri, aceitei a marquei data. A data foi hoje. A hora escolhida foi a hora do almoço.

Claro que não há almoços grátis e o objectivo deste presente era dar-me a conhecer os produtos da marca (é a Clarins - mas não recebo por dizer este nome, ok?). Mas a verdade é que sou fã da marca há anos, por isso, na prática ia apenas receber um miminho duma das minhas marcas de produtos de beleza preferidas (e onde já deixei muito dinheiro, verdade seja dita), não ia propriamente vender a alma ao Diabo.

Lá fui para o El Corte Ingles, de cara lavada. À minha espera, tinha mil produtos que me sorriam e faziam sorrir de volta. Sentei-me. Fechei os olhos e deixei-me mimar. Limpeza, esfoliação (que não fazia há mil anos, para aí), tónico, máscara (fiquei cómica ao ponto duma velhinha passar e gritar "eu, que sou velha, é que precisava disso!!"), sérum, contorno de olhos, hidratação, BBcream. Não sei se a ordem foi esta, porque estava de olhos fechados, mas soube-me pela vida, ao ponto de me ter assustado quando olhei no fim para o relógio e vi que já passava das 14 horas.

Fiquei ainda saber que a minha pele, apesar de não ser seca, "come tudo num instante", o que apenas vem demonstrar que toda eu sou uma gulosa do piorio. No fim, fui ainda maquilhada de forma muito simples (apenas máscara de olhos, pó e baton) e senti-me mesmo uma princesa, ao ver-me ao espelho. Se pudesse, trazia a maquilhadora para casa, para repetir isto todas as manhãs. (suspiro).

Agora vão perguntar-me se, no fim disto tudo, comprei todos os produtos utilizados e deixei lá na marca um balúrdio, certo? Pois... hmmm... trouxe, sim. O pessoal do marketing destas marcas sabem aliciar-nos: oferecem-nos uns miminhos e queremos sentir-nos assim mais vezes, por isso queremos trazer os produtos connosco. Mas o irónico? Não trouxe para mim. Trouxe para o homem da casa, que foge dos cremes como o Diabo da cruz e eu quero iniciá-lo na hidratação (dito assim, soa a uma seita qualquer maluca, não soa?). Shhhiu. Não lhe digam nada, que é surpresa. ;)

12 comentários:

  1. Esses mimos sabem tão bem...eu já não sei o que isso é há algum tempo. Já se sabe que quando é gratuito se acaba sempre por comprar alguns produtos, mas temos que pensar que se calhar os íamos comprar de qualquer forma

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... eu ia acabar por comprar na mesma. Era uma questão de tempo! E a verdade é que soube-me tãaao bem. Tive mais duma hora a ser massajada na cara, maquilhada... E de graça! ;)

      Eliminar
  2. Mas ofereceram-te isso por causa do blog ou foi completamente random? É que eu também quero :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ofereceram, porque tenho ficha de cliente lá, acho eu. Nunca recebi nada por ter um blog. Sou um bebé neste mundo. :)

      Eliminar
    2. És um bebé com um dos melhores blogs!!! A sério, o teu e o da Maçã devem ser dos blogs mais inteligentes e engraçados que para aí andam!

      Eliminar
  3. Óóóóhhhhhhhh também preciso disso!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que eles vão continuar a semana toda... ;)

      Eliminar
  4. Também compro produtinho bons para o meu marido, mas o que é certo é que ele usa aquilo...talvez uma vez por mês...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois. Não dá vontade de dar dois estalos?? É que podiam pelo menos usar o que lhes damos, já não pedimos mais, certo? :)

      Eliminar
  5. Como tipo que sou, acho muito fixe e querido o teu gesto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Ele só disse "vou ter que pôr todos os dias? Sempre?". ahah :)

      Eliminar
  6. Depois diz-me se conseguiste! Ando nessa missão há já algum tempo e os resultados são mínimos. De vez em quando ele lá põe o meu creme e fica todo contente, como se me tivesse a fazer um favor enorme mas nunca consegui que o fizesse mais do que um dia... É uma tristeza!

    ResponderEliminar